quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

A MINHA BONECA!!!!!!!!! JÁ TERIA QUASE A MINHA IDADE.......FICA A RECORDAÇÃO!!!!


ESTA FOTO DAS IMAGENS GOOGLE
escolhida pela cara mais aproximada!!!


A MINHA BONECA

A minha boneca
Que eu fiz de trapos,
Não ficou careca
Nem lhe faltou sapatos.
Com braços de bunho,
De pano-cru, o corpo,
Filha do meu sonho
Ficou-lhe um pé torto.
Olhos de botão
Perlé na boca
Dei meu coração
A coisa tão pouca.
Fiz saia godés
E blusa de chita
Laços em viés
Que bem que lhe fica.
Suave lembrança
Boneca e princesa
Foi tempo de esperança
De menina, pobreza.

ESTA, AQUI DESCRITA NO POEMA, ERA A MINHA BONECA FEITA POR MIM!!!
PODERIA SER A MINHA PRENDA DO MENINO JESUS.... LEMBREI-ME DE COLOCAR AQUI PARA QUE SE POSSA VER AS DIFERENÇAS DAS PRENDAS DO PAI NATAL DOS MENINOS DE HOJE!!!

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

DOCINHOS BRILHANTES!!! EM PRENDINHAS DE NATAL!!!!

FIZ ALGUNS DOCES E MARMELADA.... RESOLVI TRANSFORMAR ALGUNS EM PRENDINHAS DE NATAL.....
PODEM TER POUCO VALOR..... MAS FORAM FEITOS COM MUITO AMOR DESDE O CRIAR E CUIDAR DOS FRUTOS ATÉ AO ATO DE OS PREPARAR E TRANSFORMAR EM DOCINHOS E ATÉ, AQUI NA APRESENTAÇÃO FINAL.....

DEI O MEU MELHOR COM TODO O CARINHO!!!!

PARA O ANO QUE VEM E PENSANDO NA CRISE VOU FAZER ALGO MAIS ALARGADO!!!

AQUI SÃO APENAS BOIÕES DE IOGURTE.... COM O ARRANJO FINAL FICARAM LINDOS!!!

BEIJINHOS E UM ANO NOVO BRILHANTE DE AMOR!!!

LÍDIA


sábado, 24 de dezembro de 2011

BOAS FESTAS!!!! FELIZ NATAL!!!!

FELIZ NATAL PARA TODOS OS VISITANTES DO MEU ESPAÇO!!!
FESTAS LUMINOSAS DE AMOR, COLORIDAS DE CARINHOS, NA ALVURA DA PAZ E SAÚDE!!!
BEIJINHOS LÍDIA

VÉSPERAS.... COMEÇO DOS PREPARATIVOS, ASSIM.... OS MEUS PRIMEIROS DOCES DE NATAL SÃO.... UNS BOLINHOS DE ABÓBORA ENCHARCADOS COM UM XAROPE, APRENDI A FAZER, NA RTP, E, AQUI ESTÃO PARA COMER E CHORAR POR MAIS!!! 
A MESA ESPERANDO O NATAL FOTOS, ARRANJOS, E DOCES DA LÍDIA

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

TEMPO DE NATAL!!!


POUCO A POUCO SE VAI SEMPRE JUNTANDO MAIS UM ELEMENTO DECORATIVO!!!

SERÁ ASSIM MEU NATAL!!!! ALGUNS ARRANJOS QUE TENHO NA MINHA CASAS


TEMPO DE NATAL

Natal lembra, neblinas no ar
O mistério, de nada vermos
Para além de nós.
O mistério de acreditamos
Que Jesus nos veio salvar
E com Jesus não estamos sós.

Neste nosso tempo de Natal
De frios constantes, cortantes,
Ou chuvas suaves… morrinhas.
Natal de odores, e sabores a Portugal
Do calor das lareiras, crepitantes
Do café com coscorões, das avozinhas.

Mas é Natal… de dias difíceis e lentos
Natal de apreensões, sinais e medos
Tempos vividos, de confusões fatais.
De ontem coloridos… hoje são cinzentos
Onde se pagam… erros tremendos
Natal de heranças renegadas, mas reais.

Lídia Frade Poema e Fotos

ESTAÇÃO DO ORIENTE!!!!!!!!!!!! LINDO!!!!

CLIC.......ABRA TODO O ECRÃ!!!

http://www.youtube.com/watch?v=nrJMavQgUf4&feature=autosha

domingo, 11 de dezembro de 2011

É ASSIM O MEU NATAL!!!


ESTA COROA FIZ HOJE DE MANHÃ PARA OFERECER E ENFEITAR A CASA DA MINHA FILHA!!!
ESTA COROA É FORMADA POR PONTAS DOS MEUS MARMELEIROS QUE PODEI E ENROLEI PARA FAZER A COROA!!!

FOTOS E ARRANJOS LÍDIA FRADE


ESTE LINDO ARRANJO DE NATAL FIZ ONTEM PARA OFERECER A MINHA FILHA, ONDE VOU TAMBÉM PASSAR O NATAL!!!

ESTE TRABALHO TEM COMO BASE PRODUTOS NATURAIS E RECICLADOS, TRONCO DE SOBREIRO QUE APANHAMOS NO MATO, PINHAS, PONTAS E BOGALHOS DE CARVALHEIROS, PEDAÇOS DE TRONCOS E VIDES DE VIDEIRAS!!!

sábado, 10 de dezembro de 2011

BOAS FESTAS



AGORA AQUI UMA COMPOSIÇÃO QUE FIZ E OFERECI A MINHA SOGRA DE UMA ÁRVORE PRATEADA E CENTRO DE MESA COM ELEMENTOS PRATEADOS, FOTO TELÉMOVEL 

ESTE É UM DOS MEUS PREPARATIVOS DE NATAL ACABADO DE FAZER, É UM PRESENTE PARA MINHA EMPREGADA




PREPARO ASSIM O NATAL

O meu Natal, meu e não só
Eu preparo com todo carinho
Meu tempo e vontade, que dou
De arranjos, e outros em que alinho.
Apanho as pinhas e os bogalhos
Muitos troncos, eu aproveito
Com bolotas, dos carvalhos
E as folhagens, com que ajeito.
Corto as pontas de arbustos
Enrolo, em coroas redondas
Transformo, pinto, dou lustros
Em verdes formas, sem delongas.
Dou vida, com brilhos dourados
Ato, enfeito, com laços e flores
E com as estrelas, em tons prateados
De coração ofereço, a quem sinto amores.
Enfeitam-se as portas, os lares
As mesas, também as janelas
Ensaio às crianças, os nossos cantares
Participantes na festa, que é para elas.

LÍDIA FRADE

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

CARTAXO COM ARCO IRÍS

AS FOTOS POSSIVEIS

O CÉU CADA VEZ MAIS CARREGADO

ADORO FOTOGRAFAR OS ARCO IRIS COM QUE ME CRUZO 

PRESTES A DESENCADEAR UMA TROVOADA....OU PELO MENOS GRANDE CHUVADA

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

PERTURBAÇÃO



PERTURBAÇÃO

É estar de cabeça vazia…
por alguém…ocupar meu espaço
…meu pensamento
e… ainda meu corpo!

Ansiosa… quem diria…
Por silencioso abraço
De envolvente sentimento
Ou… desejo… já quase morto.

Ressuscitado do acaso
Descolado… ao fundo do nada,
Perturbação que dá azo,
A uma ansiedade formada.

LÍDIA FRADE
em Amor Eterno Interregno e Silêncio

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

PELAS RUAS BECOS E MIRADOUROS DE LISBOA!!!

PELAS RUAS BECOS E MIRADOUROS DE LISBOA!!!
GOSTO DE PASSEAR POR AI.... A MINHA CANON SEMPRE ME ACOMPANHA!!!
APENAS.... É POUCO O MEU TEMPO!!!


POUCO TEMPO

é pouco o meu tempo
para guardar , tudo o que trago
em pensamento.,
para escrever, tudo o que  sinto
cada momento.
é pouco o meu tempo
para eternizar,  tudo o que corre 
veloz no vento
e mostrar assim , bem mais profundo
meu sentimento.
é pouco o meu tempo
para sentir, quanta beleza
me passa ao lado
sem alterar, este meu ar 
preocupado.
é pouco o meu tempo
para conseguir tudo o que quero
na minha vida;
no que passou, 
alguma ilusão perdida,
mas no que resta
a esperança ainda vivida.

LÍDIA FRADE
em Uma Pedra no Charco Refugio  







domingo, 13 de novembro de 2011

QUINTA DOS LORIDOS!!!

NA PROXIMA OPORTUNIDADE E MELHOR TEMPO.... IREI FAZER O RESTO DA REPORTAGEM DO DITO PARQUE!!!
ATÉ O WC NO PARQUE DE ESTACIONAMENTO TEM, UMA FACHADA TODA FORRADA EM PEDRAS DE QUARTZO, JÁ NÃO FALANDO NOS MARMORES POR ALI A RODOS!!!!

UMA FONTE ONDE AS ESTÁTUAS TODAS BEBEM!!!

TUDO ISTO FORA DE PORTAS!!!

ALI.... ATÉ AS ÀRVORE MORTAS TÊEM VIDA........
PORTÃO DE SAIDA PARA A ESTRADA
O INTERIOR DO PÁTEO
A ENTRADA PARA UM PATIO QUE TODAS AS QUINTAS AGRICOLAS TINHAM

UM DIA VOLTAREMOS PARA ENTRAR, CONHECER, E FOTOGRAFAR
COMO O TEMPO AMEAÇAVA MUITA CHUVA.... FOTOGRAFAMOS SÓ PELAS ENTRADAS
PARA ASSINALAR A PASSAGEM
NESTA TARDE CINZENTA DE UM OUTONO COM TEMPO DE INVERNO, E DE UM SOL RADIANTE QUE AS NUVENS NÃO DEIXAVAM PASSAR PARA ELUMINAR A TERRA
A ÁGUIA QUE NOS ESPERA NA ENTRADA PRINCIPAL
O LEÃO QUE NOS ESPERA NUMA DAS ENTRADAS

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

HERMAN JOSÉ.........JÁ FOI.......... NO FESTIVAL DA GASTRONOMIA EM SANTARÉM


ÉS TU, HERMAN

Hás-de ser sempre criança
ou homem contradição
de olho azul, quase inocente
és atrevido, irreverente,
mas também és malcriado
com toda a descontração.

Tu provocas as pessoas
tu agrides, tu insultas
mas o que me faz pasmar
és perdoado e sem culpas
e mesmo até dizendo mal
ninguém muda, do tal canal.

Tens ideias e tens charme
o meis versátil que conheço,
de cabeleiras és um espanto,
em mini saia, nem se fala
com saltos altos, um encanto
de plumas, espétacular
mas é visto de mini slip
que eu nem me atrevo a falar.

poema de Lídia Frade do Livro Uma Pedra no Charco Refugio
escrito em 1999

FOTO DE UM ESPETÁCULO DE HERMAN JOSÉ NO FESTIVAL DA GASTRONOMIA EM SANTARÉM

FOROS LÍDIA FRADE

domingo, 6 de novembro de 2011

ESQUECER


 ESQUECER

Passo a passo
Dia a dia
Hora a hora,
Esquecer…
Para não mais lembrar
Ou sentir a magoa, a dor,
Sentida!
Mas não agora!

Fui colocando
Barreiras de som,
De nevoeiro,
Intransponível
Á memória.

E Tudo isso,
Me foi possível,
Para eu viver em paz
Nestes meus dias,
Passo a passo
Hora a hora,
Neste momento
Já!!! E agora.


LÍDIA FRADE em Amor Eterno Interregno e Silêncio